O basquete é cruel!

Realmente o basquete é cruel. Não se apavorem amigos, o Gaúcho aqui não está descontente com o basquete. Essa frase é sobre o jogo do Univates/Bira e Winner/Lmeira. Por que da frase? Tudo mundo mundo que foi assistir o jogo saiu do ginásio com uma dúvida: como uma equipe que abri 20 pontos da outra consegue perder o jogo? Permitir uma virada faltando apenas um minuto, 39 minutos na frente, como pode? Aí vem minha resposta: O basquete é cruel! Nunca podemos achar que uma partida ta ganha ou perdida. Relexar na defesa jamais, perder a confiança e agressividade no ataque pode ser um erro crucial. O basquete é cruel amigos, ter no elenco jogadores acostumados com grandes triunfos, que fazem as coiasas certas na hora certa, faz toda a diferença… Jogar bem é uma coisa, finalizar jogo é outra!

O Limeira deu uma lição no Bira ontem! Alguns acham que foi sorte as bolas do Shamel nos instantes finais, eu sei que não foram… alguns acham que o Renato não jogou nada… mas em momentos decisivos é ele que fica com a bola na mão e cria as situações de cestas para seu time. O Teichmann e o Fiorotto não foram tão decisivos… um fez 17 e outro 16, cada um fez uma bola importantíssima no final do jogo, chamada bola de segurança. Mas o pior de tudo mesmo, quem ta acostumado a ver a equipe de Limeira atuar, sabe que eles não fizeram um partidaço, mas os caras sabem finalizar um jogo, não aceitaram a derrota, que para todos presentes no complexo Univates, parecia certa. Shamell e Zanon até se desentenderam.

Abre aspas para o gringo de Limeira: “Nos primeiros quartos jogamos mal, quando chegou ao terceiro quarto o Zanon me tirou da partida e disse para eu me acalmar que tudo mudaria, então me concentrei para entrar no último quarto e vencer a partida, deu certo! Acertei umas três bolas importantes e juntos vencemos mais uma”.

Uma vitória do Bira deixaria a equipe mais confiante com a moral elevada, foi uma pena, pois num campeoanto brasileiro, só jogar bem não é o mais importante, a vitória tem que vir. A equipe de Lajeado iniciou o jogo numa pegada impressionante, fez um partidaço, Audrei simplesmente foi All-Star, jogou muito! Mirim também teve um ótimo primeiro tempo. Thulius foi o rei dos rebotes. A equipe toda foi empolgante até faltarem 3 minutos para acabar o jogo. Aí Limeira impôs uma defesa forte, o Bira sentiu a pressão dos minutos finais e o peso de enfrentar jogadores com nível de seleção brasileira. Uma pena para a torcida gaúcha. Os lajeadenses não podem desanimar, tem que apoiar o time, a torcida é fundamental.

Univates/Bira 82 X 87 Winner/Limeira

Cestinha: Audrei (Bira) – 23 pontos

Reboteiro: Thulius (Bira) – 10 rebotes

Homem dos Passes: Renato (Limeira) – 6 assistências

Ladrão de Bola: Audrei (Bira), Shamell (Limeira) e Teichmann (Limeira) – 2 recuperações

Homem dos Tocos: Mirim (Bira) e Renato (Limeira) – 1 toco

Rever meus amigos foi muito bom e aquele gostinho de estar em quadra voltou a me assombrar. O basquete é minha verdadeira paixão…como eu gosto de ambiente! A quadra é meu templo sagrado, como é bom ver uma partida ao vivo do campeonato brasileiro.

 
CLASSIFICAÇÃO

 


POS TIME PTS JOG VIT DER PPRÓ PCON AVERAGE
1 Flamengo/Petrobras 28 15 13 2 1437 1226 1.17210
2 Universo/BRB/Financeira Brasília 28 16 12 4 1396 1267 1.10182
3 Ciser/Araldite/Univille/Joinville 27 15 12 3 1246 1113 1.11950
4 Winner/Limeira 27 16 11 5 1385 1333 1.03901
5 Vivo/Franca 26 16 10 6 1336 1262 1.05864
6 Pitágoras/Minas 25 14 11 3 1215 1112 1.09263
7 GRSA/Itabom/Bauru 23 15 8 7 1192 1184 1.00676
8 Pinheiros 22 16 6 10 1351 1367 0.98830
9 Lupo/Araraquara 22 16 6 10 1228 1271 0.96617
10 Paulistano/Amil 22 16 6 10 1203 1331 0.90383
11 Amigão/Andorinha/Unimed/Assis 21 14 7 7 1086 1097 0.98997
12 Cetaf/Garoto/UVV/PMVV 21 16 5 11 1206 1296 0.93056
13 Univates/Bira 19 15 4 11 1106 1235 0.89555
14 Saldanha da Gama 19 16 3 13 1168 1365 0.85568
15 São José/Unimed/Vinac 18 16 2 14 1255 1351 0.92894

 

 

Autor: gaucho

1 ideia sobre “O basquete é cruel!

    JOÃO NIEDERAUER

    (Abril 1, 2009 - 11:47 am)

    BASQUETE É UM JOGO DE ERROS QUEM ERRA MENOS GANHA O JOGO,É UMA PENA MAS A VERDADE É A SEGUINTE O BASQUTE GAUCHO NECESSITA DE UM CAMPEONATO MAIS COMPETITIVO MAIS FORTE COM MAIS EQUIPES. NÃO TEMOS COMPETIÇÃO QUE SEJA FORTE PARA ENFRENTARMOS EQUIPES DE OUTRO ESTADO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *